Coentro: benefícios e propriedades medicinais

O coentro (Coriandrum sativum) é uma erva medicinal também conhecida como salsinha-chinesa, salsa-mexicana, coriandro, erva-percevejo e coriander (inglês). Pertence à família Apiaceae.

Benefícios do coentro

O coentro foi utilizado para o tratamento de diabetes, vez que suas sementes possuem efeitos hipoglicemiantes e são ricas em aminoácidos, ácidos graxos e substâncias proteicas, desta forma, pessoas portadoras de diabetes, bem como os que sofrem com níveis elevados de colesterol, podem se beneficiar deste remédio natural. Na Índia, o coentro é muito conhecido por suas propriedades anti-inflamatórias. Estudos revelaram que esta erva pode ser usada com sucesso no tratamento de ansiedade, depressão e ataques de pânico, visto que possui efeito ansiolítico e sedativo.

As bagas possuem uma ação fungicida, bactericida e anti-helmíntica (agindo como um vermífugo natural). As frutas ajudam a reduzir os espasmos digestivos e consequentemente aliviam as dores abdominais. A Coriandrum sativum é composta de citronelol, um poderoso antisséptico, que também possui propriedades antioxidantes e antifúngicas para o tratamento de pele seca, eczemas e outras doenças de pele.

Na medicina popular, o coentro é acrescentado a ervas laxativas para amenizar qualquer dor abdominal que elas possam causar. O óleo de massagem ou loção é usado para câimbras, neuralgia e reumatismo. Em forma de cataplasma ou compressas para reumatismo e juntas doloridas. Gargarejo para tordo, líquido para limpeza bucal e dores de dente e como um colírio para conjuntivite. É dito que o óleo essencial de coentro melhora o humor e estimula a criatividade, otimismo e imaginação.

Ação antioxidante

Estudos mostram que o coentro contém poderosos antioxidantes que protegem o corpo dos danos causados pelos radicais livres. Suas folhas são fonte rica de carotenoides (que possuem forte atividade antioxidante). Comprovou-se que em 125ml de suco de folhas de coentro fresco contêm quase tanto betacaroteno quanto em 250ml de suco de brócolis. As folhas mostraram maior atividade antioxidante do que suas sementes. A adição de coentro à alimentação aumentará o teor de antioxidantes, retardando assim, o processo de envelhecimento.

Uso na culinária

As sementes são assadas antes de moer para aumentar o sabor e são utilizadas para temperar vários pratos da culinária latina, indiana, etíope e asiática. As folhas são usadas como uma guarnição crua no norte da Ásia e na culinária africana. A raiz pode ser cozinhada como um legume. No Brasil, o coentro é muito apreciado em saladas, misturadas a outras verduras como a alface e o agrião.

Contraindicações e efeitos colaterais do coentro

Algumas pessoas podem ser alérgicas a esta erva, e, portanto, não devem consumi-la. O uso excessivo pode ter um efeito levemente narcótico.

História e curiosidades

O coentro é derivado da palavra grega koris, que significa “bicho de cama”. Isso se deve ao fato da erva possuir um cheiro estranho assim que as folhas são moídas. É uma das ervas mais antigas utilizados pelo homem, vez que foram encontradas sementes na tumba do faraó egípcio Tutancâmon e Ramsés II. Hipócrates foi uma das pessoas conhecidas que utilizava esse tipo de salsa em benefício de sua própria saúde.

Referências:
Wangensteen, Helle, Anne Berit Samuelsen, and Karl Egil Malterud. “Antioxidant activity in extracts from coriander.” Food chemistry 88.2 (2004): 293-297.
Coriander – Cilantro Benefits.

Comentários

2 Comentários

  1. Laura Pedrotti

    Fui informada de que tintura de cilantro (coentro)é altamente recomendado para quem tem parkinson. Agradeceria muito de confirmação ou mais informações sobre tinturas de ervas recomendadas e onde adquiri-las. Obrigada

Comentar