Aprenda como usar ervas e plantas medicinais

As ervas medicinais são utilizadas desde os tempos pré-históricos. Historicamente, o valor medicinal das plantas foi testado por tentativa e erro. Abordagens modernas para determinar as propriedades medicinais das plantas envolvem esforços de biólogos, botânicos, fitoterapeutas, antropólogos, químicos farmacêuticos e médicos.

GUIA DE PLANTAS MEDICINAIS

Muitos medicamentos modernos tiveram sua origem em plantas medicinais e a cada dia novas descobertas são reveladas. Na hora de preparar chás medicinais, sucos, saladas, sopas, banhos, cataplasmas, tinturas e outras aplicações à base de ervas medicinais, deve-se identificar a verdadeira identidade de algumas espécies, respeitar a posologia, além de observar outros fatores para preservar e usufruir de todos os benefícios e propriedades das plantas, compostos medicinais e fitoterápicos, além de minimizar o risco de eventuais efeitos colaterais.

Chás Medicinais

Chás medicinais
Chás medicinais

Quando for preparar um chá medicinal, a dica é usar panelas de barro ou vidro. Evite adoçar o chá, mas se caso o fizer, utilize o mel em vez de usar açúcar. Para preparar o chá em forma de tisana deve-se ferver a água em uma panela e logo após acrescentar as ervas medicinais. Após isso, deve-se tampar a panela e continuar o processo de ebulição por cerca de mais 5 minutos e finalmente deixar em repouso por mais alguns minutos (ainda com a panela tampada).

O chá medicinal feito em forma de infusão é preparado colocando a planta em uma vasilhame e despejando água fervendo sobre ela. A erva medicinal deve ficar por cerca de 10 minutos repousada na água fervente, com o vasilhame fechado.

No chá feito por decocção, a erva é colocada de molho em uma panela de água fria por algumas horas. Em seguida, a planta medicinal deve ser levada ao fogo por um período que pode variar de 5 a 30 minutos (dependendo da planta ou a parte da planta a ser utilizada).

Por fim, o chá medicinal obtido por meio de maceração deve ser repousado em água fria por um período entre 10 e 24 horas, dependendo da planta. Neste último caso, o chá se aplica à plantas medicinais que costumam perder grande parte de suas propriedades medicinais caso sejam fervidos.

Cataplasma

Cataplasmas
Cataplasmas

Em forma de cataplasma, a erva medicinal é aplicada diretamente sobre a área afetada, dolorida, inchada, ferida ou no local onde se deseja realizar um tratamento de pele. A aplicação de ervas secas é usada principalmente no tratamento de cãimbras e as plantas podem ser socadas, formando uma pasta, creme, gel ou loção, que é colocada diretamente sobre o local.

Ervas compressas

Compressas
Compressas

As ervas são cozinhadas em doses cerca de 4 vezes mais forte. Após cozidas, as mesmas são torcidas e aplicadas sobre a área afetada ou parte dolorida.

Banhos medicinais

Banhos medicinais
Banhos medicinais

As ervas são cozidas durante um tempo que vai de 20 a 45 minutos. Após este processo, toda mistura é coada e misturada a água que vai ser usada para o banho.

Tinturas

Tinturas medicinais
Tinturas medicinais

As partes das plantas devem ser colocadas em álcool (de pureza absoluta). Quando for utilizá-la, solver a mistura em água (de 5 a 20 gotas por litro).

Inalações

Inalações
Inalações

Consiste em inspirar o vapor da fervura de determinada planta. Geralmente é indicada para aliviar as vias respiratórias.

Gargarejos

Gargarejo
Gargarejo

É preparado um chá por meio de decocção e utilizado para gargarejo algumas vezes ao dia. Deve-se enxaguar bem a garganta.

Sucos medicinais

Sucos medicinais
Sucos medicinais

As ervas são trituradas com um pilão, máquina de moer ou liquidificador. Em seguida, tudo é passado por um coador e assim feito o suco medicinal.

Saladas

Saladas
Saladas

Geralmente são apenas utilizadas folhas e brotos. Algumas plantas medicinais possuem frutas, flores e outras partes medicinais comestíveis. Para melhor resultado são misturados diversos tipos de ervas.

Xaropes

Xaropes
Xaropes

Os xaropes medicinais geralmente são preparados para combater a tosse e a bronquite. São vegetais macerados misturados com mel.

Comentários

Comentar