Trigo sarraceno: benefícios e propriedades medicinais

O trigo sarraceno (Fagopyrum esculentum), também conhecido como trigo mourisco e buckwheat (inglês), possui sabor de noz agradável e baixo índice glicêmico. Possui a família Polygonaceae.

Benefícios do trigo-sarraceno

O trigo sarraceno é muito popular no Japão (um dos países com menores índices de câncer no mundo) e em algumas regiões da China, onde a dieta rica em trigo sarraceno faz com que a população apresente níveis excepcionalmente baixos de colesterol total. O trigo é rico em fibras insolúveis (cerca de 4,5g/copo) que podem prevenir o aparecimento de cálculos biliares. Acredita-se que a fibra insolúvel acelera o tempo de transição do alimento pelo intestino e reduz a secreção de ácidos biliares (quantidades altas contribuem para a formação de cálculos biliares), além de aumentar a sensibilidade à insulina e reduzir as gorduras no sangue.

Ao evitar a formação de plaquetas no sangue, o trigo sarraceno pode desempenhar um papel importante em qualquer plano de proteção do coração. Além disso, ao encolher partículas da lipoproteína de baixa densidade perigosas (colesterol ruim), os torna menos propensos a furar a parede das artérias, reduzindo ainda mais o risco de ataque cardíaco ou derrame.

O trigo sarraceno não possui glúten

O trigo sarraceno é livre de glúten, sendo uma boa opção para pessoas que possuam sensibilidade ao glúten ou alguma doença celíaca. As dietas com trigo sarraceno são associadas a um menor risco de desenvolvimento de pressão alta, muito em parte a sua rica composição e concentração de flavonoides, principalmente a rutina, que inclui as catequinas do chá verde e os polifenóis do vinho tinto. Os flavonoides são fitonutrientes que protegem contra doenças, estendem a ação da vitamina C e agem como antioxidantes.

Quercitina e rutina

A quercetina e a rutina são substâncias promissoras para a ciência, vez que podem dificultar a ligação de células cancerígenas à células saudáveis, reduzindo os danos ao DNA. O grande potencial do trigo sarraceno contra o câncer é apontado justamente a sua integridade suplementar. O trigo sarraceno também é rico em magnésio, substância que relaxa os vasos sanguíneos, melhorando o fluxo de sangue e o transporte de nutrientes enquanto auxilia na redução da pressão arterial, contribuindo para um sistema cardiovascular saudável.

A rutina presente no trigo sarraceno desempenha ainda outro papel protetor, vez que trabalha em conjunto com outros compostos, prevenindo a formação de plaquetas sanguíneas e ajudando a encolher as partículas da lipoproteína de baixa densidade (colesterol ruim ou colesterol LDL) ao mesmo tempo que não afeta negativamente os níveis da lipoproteína de alta densidade (colesterol bom ou colesterol HDL).

Comentários

Comentar